www.BairrodasLaranjeiras.com.br
ANUNCIE AQUI  |  INFORMATIVO  |  CONTATO
Variedades


NOTÍCIAS
publicadas em:

------------------------
2017
------------------------
2016
------------------------
2015
------------------------
2014
------------------------
2013
------------------------
2012
------------------------
2011
------------------------
2010
------------------------
2009
------------------------
2008
------------------------
2007
------------------------
2006
------------------------
2005
------------------------


APOIOS E SIMPATIAS
Clique nas imagens e saiba mais sobre cada um deles



-----------------------------------------------------------------


-----------------------------------------------------------------
-----------------------------------------------------------------



-----------------------------------------------------------------
-----------------------------------------------------------------


-----------------------------------------------------------------


-----------------------------------------------------------------
-----------------------------------------------------------------



-----------------------------------------------------------------
-----------------------------------------------------------------


-----------------------------------------------------------------

/Notícias do Bairro

24/06/2011



Oito escolas unidas por uma ciclovia

Alunos do Ensino Médio do Liceu Franco-Brasileiro criam projeto que beneficiaria estudantes de Catete, Largo do Machado, Laranjeiras e Flamengo


Por Flávia Ribeiro

Dizem que a adolescência é o período, entre outras coisas, da insatisfação. Mas sete alunos de 1º e 2º ano do Ensino Médio do Liceu Franco-Brasileiro resolveram ir além da insatisfação com o trânsito e buscar uma solução. No fim do ano passado, o grupo FrancDroid - Philipe Moura, Vinícius Brazil e Beatriz Ghidalevich, de 15 anos, e Victor Pimenta, Rômulo Ribeiro, Helena Coutinho e Heitor Gessner, de 16 -, formado na turma de Robótica do colégio, criou um projeto de ciclovia para a região de Catete, Largo do Machado, Laranjeiras e Flamengo. Com ele, conquistou a segunda colocação no Campeonato Brasileiro de Robótica e ganhou o direito de participar do Aberto da Europa de Robótica da First Lego League, em Delft, na Holanda, no início deste mês.

O projeto que deu esse segundo lugar nacional aos meninos sugere uma ciclofaixa - tipo de ciclovia em que a rua é dividida com os carros, sinalizada com placas faixas pintadas no asfalto - unindo oito escolas da região num trajeto de dois quilômetros. Começa no Zaccaria (Rua do Catete), passa por Pinheiro Guimarães (Rua Silveira Martins), Intellectus (Rua Corrêa Dutra), Colégio Estadual Amaro Cavalcanti (Largo do Machado), Edem (Rua Gago Coutinho), Franco-Brasileiro (Rua das Laranjeiras), Colégio Laranjeiras (Rua Conde de Baependi) e termina no Excelência (Rua Paissandu). "A gente optou pela ciclofaixa periódica, que funcionaria especificamente nos horários de entrada e saída das escolas e atenderia cerca de 1.500 estudantes", explica Philipe. "Nós nos preocupamos em não criar uma ciclofaixa que levasse do nada a lugar nenhum, como algumas ciclovias por aí fazem", completa Victor, lembrando: "Em cinco minutos na Holanda, nós vimos mais bicicletas do que em todas as nossas vidas!".

Os meninos só incluíram no trajeto ruas com pelo menos três faixas, para não engarrafar o trânsito. Além disso, inseriram propostas de bicicletários nas escolas e nos transportes públicos. Depois, levaram para a análise da CET-Rio (Companhia de Trânsito de Rio de Janeiro), da Secretaria Estadual de Transportes e de especialistas no assunto, como o diretor da ONG Transporte Ativo, José Lobo, que elogia o projeto: "O modelo de atender escolas é muito interessante, já que o estudante normalmente não tem carro, é um usuário de bicicletas. Chamou a atenção", diz Lobo.

O estudo dos meninos agradou tanto que haverá um Dia-Teste em 22 de setembro, aproveitando o Dia Mundial Sem Carro, com o apoio da CET-Rio e da Guarda Municipal. Não há nenhuma garantia de que será implementado, mas ao menos está sendo analisado. "Já foi pedido até que a gente faça alguns testes prévios, antes do Dia-Teste Oficial, para correr tudo bem na hora", conta Rosângela Nezi, professora de Robótica do Franco-Brasileiro, orgulhosa do trabalho dos alunos: "O projeto partiu deles. Eles vêm para a escola de bicicleta e sentem falta de uma ciclovia. Fizeram todo um mapeamento e pensaram na comunidade escolar da região".








PATROCINADORES
Clique e saiba mais sobre eles












REDES SOCIAIS








FOTOS DO BAIRRO



Clique na foto...





© 2005 - 2019 Isabel Vidal
Todos os direitos reservados