www.BairrodasLaranjeiras.com.br
ANUNCIE AQUI  |  INFORMATIVO  |  CONTATO

HOME Notícias semanais

CULTURA E TURISMO

ENDEREÇOS NO BAIRRO
Atividades físicas
Bares e Restaurantes
Cafés, Lanches e Sucos
Comércio e Serviços
Estabelecim/ de Ensino
Hospitais e Clínicas

FESTAS E EVENTOS

MATÉRIAS E NOTÍCIAS

MURAL DO BAIRRO

TRABALHOS SOCIAIS E
ASSOCIAÇÕES


UTILIDADE PÚBLICA

VARIEDADES
Anuncie no Bairro
Contato do Bairro
Blog do Bairro
Detalhes do Bairro
Fotos do Bairro
Informativo do Bairro
Twitter do Bairro



AMAL

Capa da Folha
Onde encontrar
Expediente



MACRO E MICRO

Gilson Nazareth
Mestre em Educação IESAE - FGV
Doutor em Comunicação e Cultura ECO - UFRJ


Flora Soleto e Radda Dimittrova são os dois baluartes do movimento artístico/pictório que a AMAL desenvolve em nosso bairro. Contemporâneas, mas percorrendo caminhos diferentes, são amigas, tanto entre elas como de todos da Associação de Moradores e Amigos de Laranjeiras.


Arte invade Laranjeiras e Cosme Velho

Segunda edição do evento integra artistas dos dois bairros e agita a cidade


Artistas do bairro, preparem-se. Começou a contagem regressiva para a segunda edição do “Arte em Laranjeiras”, que este ano agregou o bairro vizinho e se chama “Arte em Laranjeiras e Cosme Velho”.
Marcado para os dias 15 e 16 de setembro, o evento está de cara nova e promete movimentar moradores e visitantes dos dois bairros. Este ano participarão mais de 30 artistas, entre eles músicos, atores, artistas plásticos, fotógrafos, artesãos. Além disso, diversos restaurantes, bares e lojas abrirão com programação especial e exposições.
As praças também não ficaram de fora e ganharam eventos diversificados dirigidos a todo tipo de público. As Ong’s do bairro farão exposição de seus produtos e o público terá sessões de cinema nas Casas Casadas e no Espaço Cultural Trem do Corcovado. Saiba mais...


As vilas de Laranjeiras

Marcella Vieira
O bairro de Laranjeiras, tão carregado de história, abriga vilas que se escondem no meio da bagunça urbana. E apesar de representarem aquilo que se pode chamar de “clima de interior”, estas construções já são arraigadas à rotina da grande cidade. Saiba mais...


História

Em sua coluna, o historiador Milton Teixeira fala sobre a Casa de Apoio Fraternal, uma das últimas mansões localizadas na Rua das Laranjeiras, 110.
Erguido em 1922, seus fundadores foram o Dr. Álvaro Silva Lima Pereira e sua esposa, Da. Izolina Pereira, casal de portugueses que, inclusive, cederam sua residência para a sede desta instituição. Saiba mais...


PALAVRA DO PRESIDENTE

Marcus Vinícius Seixas

A Imprensa (golpista) e o Presidente Lula

nteresses da livre empresa e não da livre imprensa têm pautado a atuação da direção dos grandes jornais (O Globo, Folha, Estadão e Veja), além da TV Globo em uma luta insana contra o presidente eleito e reeleito pelo voto popular Luis Inácio Lula da Silva.

Beira as raias da insensatez a ação desses meios de comunicação ao quererem criar um clima para a derrubada do Governo. Não conseguem conviver com a Democracia. Desejam um país atrasado e a mercê dos interesses estrangeiros. Não há Governo que não deva ser fiscalizado e criticado, mas há limites que a própria democracia impõe. Desde Getúlio Vargas, passando por João Goulart, essa elite não suporta a idéia de trabalhistas dirigirem a nação. Essa mídia mal acostumada por anos de benesses, cospe da boca pra fora uma ética de botequim, aguardando o momento de chamar os militares da caserna e entregar o poder, sem eleições, a um de sua turma, desde que defenda o famoso discurso: cortar salários, demitir funcionários públicos, privatizar a Caixa, Petrobrás e Banco do Brasil, abrir mercados para as multinacionais e ao fim e ao cabo privilegiar os mais ricos. Se existe algo de bom em todo o caminhar de nosso país é a reconstrução democrática que temos vivido nesses pouco mais de 20 anos. Precisamos evitar o retrocesso. O Estados Unidos (paradigma dessa direita) só é forte porque o regime de alternância de poder (mesmo com suas deficiências) é exercido em sua plenitude e as Instituições funcionam. Não há espaço para golpes. Parece que essa mídia nos quer impor métodos de uma República de Bananas.
Aos golpistas nós alertamos: não passarão!
Por uma imprensa livre, responsável e comprometida
com o regime democrático!



Circulando pelo Bairro

Aline Garcia & Fábio Amaral
[email protected]


Senhoras, cuidado!
A coluna recebeu denúncia de que uma senhora foi agredida na saída do banco Itaú em frente a Maternidade Escola por homens que estavam numa motocicleta. Uma situação semelhante teria acontecido na Caixa Econômica ao lado das Lojas Americanas. Dizem que se trata de uma quadrilha de moto que ataca senhoras em portas de bancos. Cuidado! Saiba mais...


Carta do Leitor


A capa da última edição da Folha da Laranjeira sobre o Cenáculo da rua Pereira da Silva gerou reações adversas entre os moradores. Sobre as acusações de que a matéria teria sido tendenciosa para algum dos lados envolvidos, é importante destacar que tanto o jornal quanto a Amal em nenhum momento se posicionou sobre a questão.
Nosso trabalho como veículo de comunicação e como associação de moradores foi abrir espaço para todas as opiniões e produzir uma matéria que fosse imparcial. Talvez o mais importante tenha sido receber os comentários dos moradores da Pereira da Silva, que por mais que não fossem elogiosos, pelo menos mostrou que a matéria mexeu com a população. Ainda que essa população só se manifeste quando o problema a afeta diretamente. Nosso espaço do leitor é dedicado aos emails que recebemos.
Editores

-----------------------------------------------------------------------

Apesar da AMAL se dizer imparcial na questão do Cenáculo, a matéria sobre o assunto, publicada na Folha de Laranjeiras, teve conotação parcial, ou seja, o espaço cedido ao sofrimento das irmãs do Cenáculo e as alegações da empreiteira foram o tema principal.
Do outro lado, 43 mulheres, entre estudantes, trabalhadoras e idosas residentes no pensionato a ser demolido, para viabilizar o empreendimento, muitas já com problemas de saúde devido ao estresse que a situação acarreta, não foi mencionado.
Se “o projeto já está totalmente aprovado pelos órgãos competentes” segundo o Srº Celso, por que a tentativa de abrandar a ira da comunidade ou “diminuir os empecilhos”? Que fatos são tão ameaçadores se tudo já está supostamente “legalizado” entre empreendedores, proprietários e responsáveis pelo licenciamento da obra? No mínimo, algo estranho ocorre no “front” definido como “Guerra Santa”, aliás péssimo título para algo tão sério, que envolve preservação do patrimônio, meio ambiente e questões sociais.
Sonia Almeida, moradora.

Aproveito este contato para manifestar o meu desacordo com a matéria da manchete do último “Informativo”. Participei da reunião do dia 05 p.p.Do início ao fim. Não vi a representatividade que vocês estão veiculando quando afirmam que TODA a vizinhança está contrária à venda de parte da PROPRIEDADE das religiosas. Só posso atribuir essa afirmativa a um “ato falho”!
Quem escreveu a matéria? Será que foi aquele senhor que fez “piadinha” sobre a “renda” das freiras? Por favor, espero um retorno. Obrigada pela atenção.
Edna, moradora.


Sarau do Marquês chega a Laranjeiras

Irani Pires de Almeida posa para foto em frente a obra da artista Flora SoletoComandado pela experiente Irani Pires de Andrade, o Sarau do Marquês aportou no mês de agosto no bairro de Laranjeiras. O encontro que começou na Rua do Lavradio, passou pela Rua Tenente Possolo agora acontece toda 2ª quinta-feira do mês no restaurante Cortiço.
Participaram dessa primeira exposição os artistas Flora Soleto, Radda Dimittrova , Pedro Paulo de Andrade, Vania Veter, André Cipolla e Saly Chagas.


OBITUÁRIO - Rivadavia Lopes

Vitima da Burocracia e Amado por muitos: Laranjeiras chora a morte de um de seus moradores mais carismáticos, O Vascaíno!

Era manhã de 11 de julho de 2007 onde fomos surpreendidos por um corpo estirado na porta da Padaria Del Prete, se tratava de Rivadavia Lopes dos Santos, funcionário Publico Federal, casado, 58 anos, morador da Rua Pereira da Silva, era figura muito conhecida da região, sempre de bom humor, contava piadas, ajudava moradores da comunidade do Pereirão e a Sociedade Viva Cazuza, ... Saiba mais...


Promoção

Receba a Folha da Laranjeira gratuitamente em casa.
Ligue: 3473 1283


Visite o site: www.amal.org.br





PATROCINADORES
Clique e saiba mais sobre eles












REDES SOCIAIS








FOTOS DO BAIRRO



Clique na foto...





© 2005 - 2019 Isabel Vidal
Todos os direitos reservados



Jornal da AMAL
ano 27 - nº 220
8 e 9 de 2007